Três dicas valiosas para aprender inglês de forma barata e efetiva

Para ir direto ao ponto, é necessário prestar atenção em 3 coisas:


  1. O HÁBITO

Mesmo sem ter vontade, é necessário separarmos um momento do dia para praticarmos o idioma, nem que seja 10 minutos. Nesse caso, recomenda-se o Duolingo (é gratuito). As lições são curtinhas e é possível fazê-las, um pouquinhom todos um dias.

Quando você fará? Depois do almoço? Entre um cliente e outro? Depois da aula? Encaixe estes 10 minutos na sua rotina diária.

Ah, e o poder do hábito é não esperar dar vontade de fazer… faça mesmo sem vontade. Com o tempo, você continuará sem vontade, mas não será desconfortável. É como escovar os dentes….você ainda sente que está perdendo tempo ao escovar os dentes?

Um dica: não vamos nos iludir achando que aprenderemos inglês em 6 meses, ok? Vamos pensar assim: passaremos os próximos 35 anos estudando inglês. Parece ruim, né? Mas é melhor começar sabendo disso do que sofrer uma imensa desilusão daqui a 6 meses. Imagine se eu dissesse: – vou escovar meus dentes só até os 18 anos de idade. Ficou esquisito, né?


2. PRATICAR O INPUT. Isso é, acostumar o ouvido com o idioma. Podemos assistir vídeos no Youtube, filmes e séries (com legendas em inglês) ou ouvir podcasts com assuntos que gostamos.

Hoje em dia, com a internet, temos acesso aos melhores professores do mundo. Quer conhecer alguns?

Além disso, filmes da Netflix com legendas em inglês é importante para praticar o Input.

Então surge a afirmação: “- Mas quando eu assisto um filme em inglês eu não entendo nada!”

Não tem problema. As crianças também não entendem o que os adultos falam, mas elas prestam atenção e aprendem aos poucos. O cérebro aprende muito mais do que percebemos. Aliás, essa é outra ferramenta mágica: “prestar atenção”. Por isso, não adianta colocar um filme na TV e ficar no Instagram, ok? Preste atenção.


3) PRATICAR O OUTPUT. Para aprendermos a falar, temos que falar. Nesse caso, é necessário investir um pouco, mas é muito menos que essas escolas de idiomas que prometem milagres. Escolha um(a) professora no Preply e agende uma aula experimental.

Há excelentes professores de inglês nos mais distintos países como a África do Sul, a Jamaica e etc.

“E se eu quiser falar o inglês britânico?” Têm professores britânicos e norte-americanos também, mas eles são mais caro pois ele cobram em euro e em dólar.

Mas lembre-se disso:
O inglês é uma língua franca, isso quer dizer que ela não pertence apenas a um país. E é fundamental ter duas coisas em mente:
1) A gente nunca perderá nosso sotaque ( e isso é muito bonito);
2) O objetivo do idioma é “comunicar”. Então, primeiro a gente aprende a falar o inglês. Quando estivermos avançados, daí sim é possível aprender gírias e expressões locais.


E você,como tem feito para aprender inglês?

Se você quiser sugestões, vídeos e dicas de Input e Output para aprender Espanhol ou Chinês, é só pedir nos comentários que compartilho.

Bons estudos.

prof. Kiko Arquer (Francisco Arquer Thomé)


5 1 vote
Article Rating
Inscreva-se
Notifique o
guest
1 Comentário
Mais Antigo
Mais Novo Mais Votado
Feedbacks
Veja todos os comentários
Anabelle Frias Freitas
Anabelle Frias Freitas
1 mês atrás

Eu sempre faço o Duolingo depois da hora do almoço. Devagar e sempre já tô me comunicando em inglès.

1
0
Qual a sua opinião? Comente.x
()
x